31 Ago

#VaiQueVaiPraLista: Transição Capilar

Quando a gente fala esse tema, chega a dar um arrepio na nuca só de lembrar que já passamos por essa fase né? E quem ainda está passando? Muito mais ainda! E foi exatamente esse tema que escolhi para o #VaiQVaiPraLista desse mês, onde ensinei duas técnicas um pouco mais simples para tentar ajudá-las a passar por esse processo tão importante que é a transição do alisado para o cacheado; Infelizmente quando passei pela minha primeira transição não tinha canal no youtube ainda, e muito menos imaginaria que seria uma Embaixadora #Seda, mas tenho ótimos canais para indicar que as ajudarão muito mais visualmente falando, como o da Ana Lidia Lopes, uma das embaixadoras de Seda também, onde ela conta toda a trajetória desde o cabelo com química, big chop e tudo mais.

 

Mas voltando ao vídeo desse mês, quero citar o tão queridinho das cacheadas e dono do meu coração “Seda Cachos Definidos”, aquele verdinho sabe? Foi o primeiro creme de pentear a aparecer no meu canal há alguns anos atrás e desde então tem me acompanhado ao longo da vida. Porque escolhi esse creme para acompanhar o tema de transição? Porque ele é um dos cremes mais usados dentre as cacheadas, tem um custo benefício ótimo e está sempre na nossa penteadeira; Ele é a minha primeira lembrança da vida de cacheada, o primeiro creme que foi feito especialmente pro meu tipo de cabelo, logo, me acompanhou na transição. Recentemente passei pela minha “segunda transição”, onde meu cabelo foi descolorido totalmente (chegou ao último tom), e com isso, meus cachos que já são abertos, abriram mais ainda, e perdeu além de definição, toda a saúde dele, fazendo com que eu não conseguisse esperar, e optei por cortar semanas após a descoloração, apesar de muita gente ter gostado e me apoiado a não cortar, mas só eu sabia as dificuldades que estava passando para finalizar o meu cabelo;

 

 

Na primeira foto, meu cabelo antes da descoloração, na segunda no dia do procedimento, e na terceira após corte. Optei pelo corte por não ter muita paciência e por nunca ter tido vontade de ser loira na verdade, foi apenas um “erro de comunicação”; O corte é em camadas, bem similar ao Chanel de bico que tinha antes, mas que só sem os bicos na frente. E essa foi a minha experiência em passar pela transição mais uma vez, espero que sirva de inspiração para vocês que precisam de um ânimo para passar por essa fase e que também sirva de alerta para as cacheadas que estão pensando em fazer uma descoloração brusca no cabelo, meu recado é “Vá com calma! ” Faça o processo em no mínimo 3 descolorações, alcançar o resultado de uma vez pode causar danos irreparáveis nos nossos tão amados cachinhos!

 

Deixe o seu comentário